segunda-feira, 4 de julho de 2011

A vida nem sempre é cor-de-rosa


Por vezes somos obrigados a tomar decisões não por se querer, mas sim porque tem de ser (e como diz o outro,o que tem de ser tem muita força).
Há que dar força a quem vai e a quem fica. Há que tentar minimizar a saudade dos outros.Nunca é fácil,muito menos quando existem "pequeninas" coisas à espera.
Tu despacha-te "oh pá"!!!

2 comentários:

MARIA MARIQUITAS disse...

E o coração não fica descansado... Odeio despedidas, só de ver esse avião fico de nó na garganta.

Beijinhos grandes*

Manuela disse...

Querida Anna^, pensemos sempre que a ida, é porque vão acontecer coisas melhores, nessa vida!